Pensei …

Bem-vindo. Me chame de amigo…farei o mesmo, pois esta é a melhor definição da nossa existência.

(Iniciarei com um poema sobre o fim de um relacionamento… mas, não se preocupem, a vida é um ciclo que se repete e nada acaba realmente.)

06 06 2008
Acabou
Posted by: athynir, in Sem Categoria
Pensei….
Eu pensei que havia encontrado a minha outra metade. Na verdade me entreguei por inteiro, sem reservas e isto me fez mal. Todavia se não fosse assim não valeria a pena. Estaria eu lutando para esconder meus sentimentos, quando na verdade eu queria que eles estivessem em cada palavra que eu diria daquele dia em diante. Te conheci, quase por acaso e pensei que você seria a minha cara-metade, alguém que envelheceria comigo, me respeitaria e juntos construiríamos um império cercado de nosso amor. E assim iludido vivi por alguns anos, vivemos a mesma história, porém cada um idealizou seu personagem, e para cada um haveria de ter um final diferente. Pensei que se eu caísse eu esticaria a mão e você me ajudaria a levantar. Pensei se fosse você que caísse eu te ergueria e te levaria em meus ombros até que você se sentisse forte e seguro para continuar sozinho. Talvez você quisesse o sol e eu apenas contemplava a lua. Quem sabe em sua volta há tantos admiradores que eu seja apenas mais um na vasta platéia. Porém amigo os espectadores deste espetáculo se calam e não se importam comigo ou com você. Somos coadjuvantes quando se trata de expressar o amor como símbolo de união entre dois corpos. Cansei, de ir e voltar, de achar que um dia você entenderia o significado da palavra amar. Pensei, chorei, e por fim resolvi que não se pode perder o que não se tem. Vá ! Esta é a hora da despedida, vá e não procure razões no passado, pois acabou ! Neste instante farto de tantas ofensas eu enxugo as lagrimas e parto em busca de um novo romance, uma nova oportunidade de ser e fazer alguém feliz. Pensei… e por isto tudo perdeu o sentido. O mar tão vasto em seu silêncio noturno, a noite com suas misteriosas estrelas, a areia… enfim, o mundo não vai acabar, ele é eterno. Ainda ontem passando pela rua vi alguém que me lembrou você. A saudade me fez sorri. A rua é apenas uma passarela para novos encontros e desencontros, assim, da mesma forma casual que tudo começou devemos terminar… adeus.

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: